Please use this identifier to cite or link to this item: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/1690
metadata.dc.type: Relatório de Pesquisa
Title: Pecíolo de inajá (Maximiliana maripa (Aubl.) Drud, Família Arecaceae) como fonte de matéria prima para produção de papel na Amazônia
metadata.dc.creator: Álefe Lopes Viana
metadata.dc.contributor.advisor1: Francisco Tarcisio Moraes Mady
metadata.dc.description.resumo: O papel é um dos materiais mais importantes e versáteis já desenvolvidos pelo homem. Sua origem remonta há mais de 2000 anos na China. O papel é formado por fibras celulósicas que se entrelaçam umas com as outras, garantindo a sua resistência. O papel possui inúmeras aplicações, dentre as quais tornam-se presentes e fazem-se necessários no dia-a-dia, destacando-se na segurança e documentação, higiene, difusão de conhecimento, ornamentação, proteção, arte, comunicação, engenharias, entre outras. Na Amazônia, são raras as iniciativas que remontam à produção de lâminas de papel e polpa de celulose, seja pelo caráter anatômico das madeiras, cujas fibras são curtas e, portanto, não são as mais adequadas para a fabricação de papel, seja pela incoerência de desmatar a floresta para plantar espécies exóticas com vistas à produção de celulose. Entretanto, as palmeiras podem representar uma fonte alternativa e sustentável de matéria prima para produção de polpa de papel e celulose. As palmeiras são uma das maiores famílias de plantas no mundo e, pela forma e aspecto, a mais característica da flora tropical. São consideradas, ao lado das gramíneas, as espécies das mais relevantes entre os grupos vegetais de importância econômica regional, tornando essenciais para o sustento destas comunidades. Seu centro de distribuição está situado nos trópicos, no entanto há poucas espécies que chegam até áreas subtropicais; ocorrem em quase todas as vegetações tropicais e podem dominar grandes áreas, formando populações homogêneas. Na Amazônia possui ampla distribuição, fazendo parte das florestas de terra firme nos ambientes de platô, vertente e baixio; em florestas de campinaranas; florestas periodicamente inundadas e em áreas desmatadas. Baseado no potencial que as palmeiras representam para a Amazônia, foi elaborada a temática da proposta em pauta, a fim de estudar e desenvolver papel oriundo do pecíolo de inajá, apresentando-se como matéria-prima alternativa para a região amazônica.
Abstract: 
Keywords: papel
celulose
palmeira
metadata.dc.subject.cnpq: Ciências Agrárias: Tecnologia de Celulose e Papel
metadata.dc.language: pt_BR
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Amazonas
metadata.dc.publisher.initials: UFAM
metadata.dc.publisher.department: Ciências Florestais
Faculdade de Ciências Agrárias
metadata.dc.publisher.program: Programa PIBIC 2009
metadata.dc.rights: Acesso Restrito
URI: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/1690
Issue Date: 28-Jul-2010
Appears in Collections:Relatórios finais de Iniciação Científica

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.