Please use this identifier to cite or link to this item: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/2398
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisor1Antonio Jose Inhamuns da Silva
dc.creatorEuclides Luis Queiroz de Vasconcelos Santos
dc.date.accessioned2016-09-23T15:19:30Z-
dc.date.available2016-09-23T15:19:30Z-
dc.date.issued2012-07-31
dc.identifier.urihttp://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/2398-
dc.description.abstractpt_BR
dc.description.resumoÓleos de pescado despertam grande interesse na indústria por serem usados em uma variedade de produtos farmacêuticos, incluindo anticolesterolêmicos, antiinflamatórios e trombolíticos, além de aplicação como aditivo alimentício. Entre os efeitos benéficos à saúde pelo consumo de óleo de pescado, cita-se a atuação positiva no sistema cardíaco, circulatório e imunológico, em processos inflamatórios e carcinogênicos. Os efeitos observados são devidos os ácidos graxos de cadeia longa presentes nesses óleos, entre eles os ácidos eicosapentaenóico (EPA) e docosahexaenóico (DHA), considerados essenciais para o desenvolvimento físico e mental de crianças. Pela utilização de lipases, pode-se obter uma maior concentração desses ácidos graxos, potencializando o efeito benéfico na saúde do consumidor. Na indústria de alimentos, a maioria das enzimas lipolíticas utilizadas é de origem microbiana, principalmente fungos, sendo aplicadas para a obtenção de ácidos graxos livres a partir da hidrólise seletiva de óleos e gorduras presentes em alimentos, conferindo particularidades físico-químicas, organolépticas e nutricionais a diversos alimentos. Informações sobre o uso de espécies de fungos isolados de substrato amazônico no enriquecimento desses óleos são inexistentes.Na etapa preliminar desse trabalho, foram selecionados dez fungos isolados de peixes, os quais apresentaram significativo potencial lipolítico. No entanto, tais exemplares não foram reconhecidamente inócuos à saúde humana (GRAS generally recognized as safe) pelo bioensaio de toxicidade contra Artemia salina. Novos fungos serão submetidos à verificação e seleção do potencial lipolítico, para posterior apresentação de uma alternativa de uso e valorização do potencial biotecnológico regional na obtenção e melhoramento de produtos genuinamente amazônicos.pt_BR
dc.description.sponsorshipCNPQpt_BR
dc.formatPDF
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Amazonaspt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentCiências Pesqueiraspt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Ciências Agráriaspt_BR
dc.publisher.programPROGRAMA PIBIC 2011pt_BR
dc.publisher.initialsUFAMpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectPeixe de água doce, microrganismos amazônicos, ômega 3
dc.subject.cnpqCiências Agrárias: Microbiologia de Alimentospt_BR
dc.titleCARACTERIZAÇÃO E SELEÇÃO DE FUNGOS LIPOLÍTICOS AMAZÔNICOS PARA MELHORAMENTO BIOTECNOLÓGICO DE ÓLEO DE PESCADOpt_BR
dc.typeRelatório de Pesquisapt_BR
dc.pibic.cursoEngenharia de Pescapt_BR
dc.pibic.tipobolsa
dc.pibic.nrprojetoPIB-A/0038/2011
dc.pibic.projetoCARACTERIZAÇÃO E SELEÇÃO DE FUNGOS LIPOLÍTICOS AMAZÔNICOS PARA MELHORAMENTO BIOTECNOLÓGICO DE ÓLEO DE PESCADO
dc.pibic.dtinicio2011-08-01
dc.pibic.dtfim2012-07-31
dc.contributor.colaboradorHERLON MOTA ATAYDE
dc.contributor.Lattes
Appears in Collections:Relatórios finais de Iniciação Científica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Relatório_FINAL_PIB-A_0038_-_Euclides_Luis.final_corrigido.pdf377,39 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.