Please use this identifier to cite or link to this item: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/2459
metadata.dc.type: Relatório de Pesquisa
Title: AVALIAÇÃO DA CALAGEM SOBRE OS CULTIVARES AN CAMBARÁ E PRIMAVERA EM UM LATOSSOLO DE HUMAITÁ
metadata.dc.creator: Vagner Marques Pavão
metadata.dc.contributor.advisor1: Heron Salazar Costa
metadata.dc.description.resumo: RESUMO O arroz é um alimento de grande consumo mundial devido as suas características nutricionais e o seu baixo custo, com isso é imprescindível uma produção para suprir as necessidades da humanidade. Atualmente os produtores da região de Humaitá vêm utilizando algumas cultivares de arroz, sendo cambará e primavera. Não se sabe ao certo qual o potencial produtivo dessas cultivares e qual melhor correção a ser aplicada para se obter uma boa produção nos solos dessa região. De acordo com os agricultores de Humaitá, atualmente a produção média de arroz na região é de 3300 kg por hectare, sendo utilizada a calagem no intuito de elevar o nível de saturação de base do solo para 40%. Poucos são os estudos sobre a resposta de cultivares de arroz à calagem e sobre as doses mais econômicas de calcário em solos de Humaitá, principalmente quando ocorrem problemas de estresse nutricional. Realizando a correção adequada destas áreas, o município ganharia uma alta potencialidade para produzir todo o arroz consumido na região, gerando renda para a cidade, empregos e produtos de boa qualidade a preços mais acessíveis. Considerando os aspectos mencionados foi elaborado esse projeto com o seguinte objetivo Geral: Fornecer informações que possam auxiliar os produtores na aplicação de corretivos e na definição de cultivares de arroz mais adequadas para o solo na região de Humaitá. Tem os seguintes objetivos específicos: Avaliar o efeito da calagem sobre os parâmetros de fertilidade do solo; Avaliar o efeito da calagem sobre o desempenho vegetativo dos cultivares AN cambará e primavera; Comparar o desempenho vegetativo dos cultivares AN cambará e primavera em função das doses de calcário; O trabalho será desenvolvido em casa de vegetação e no laboratório de solo no Campus do Instituto de Educação de Agricultura e Ambiente/IEAA em Humaitá- AM. Ao final do ciclo do arroz, as plantas que permaneceram nos vasos serão avaliadas e comparadas às seguintes variáveis: grãos por panícula, peso de 100 grãos, massa seca de 100 grãos, numero de panícula por planta e por vaso, números de grãos inteiros e chochos por panícula, altura e diâmetro da planta, numero de perfilho por planta.
Abstract: 
Keywords: Oryza sativa, calagem, latossolo
metadata.dc.subject.cnpq: Ciências Agrárias: Agronomia
metadata.dc.language: pt_BR
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Amazonas
metadata.dc.publisher.initials: UFAM
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Agricultura e Ambiente - Humaitá
metadata.dc.publisher.program: PROGRAMA PIBIC 2011
metadata.dc.rights: Acesso Restrito
URI: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/2459
Issue Date: 31-Jul-2012
Appears in Collections:Relatórios finais de Iniciação Científica

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.