Please use this identifier to cite or link to this item: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/3620
metadata.dc.type: Relatório de Pesquisa
Title: Avaliação das características seminais da matrinxã (Brycon amazonicus) no início do ciclo reprodutivo submetidos a diferentes protocolos hormonais no Amazonas.
metadata.dc.creator: Lorraine Rosita Pinheiro Bacelar
metadata.dc.contributor.advisor1: Roseane Pinto Martins de Oliveira
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho será desenvolvido na Estação de Piscicultura da Fazenda Experimental da Universidade Federal do Amazonas, UFAM, localizada no Km 38 da Rodovia BR-174 e no Laboratório de Anatomia e Fisiologia Animal (LAFA) da UFAM. O objetivo será avaliar a influência de 2 tratamentos hormonais nas características seminais da matrinxã (Brycon amazonicus) no início do ciclo reprodutivo. Esta pesquisa será realizada em vista da demanda crescente pelos piscicultores do Estado do Amazonas para o cultivo da matrinxã não está sendo atendida devido à problemas na produção de alevinos de matrinxã ocasionada pela sazonalidade reprodutiva da matrinxã que acompanha as variações do nível da água. O conhecimento sobre as características reprodutivas devem fazer parte da rotina de pisciculturas que realizam a indução hormonal e têm sido determinados em algumas espécies reofílicas, entretanto, pouco se conhece sobre as características reprodutivas do macho Brycon amazonicus, principalmente da qualidade do sêmen. O extrato hipofisário da carpa comum (EHC) tem sido muito utilizado na reprodução induzida da matrinxã e apresenta bons resultados na indução da espermiação e desova do matrinxã, porém há uma crescente adoção de novos protocolos hormonais que utilizam opções diferentes para melhorar o desempenho reprodutivo das espécies cultivadas, como hormônios liberadores de gonadrotrofinas (GnRH), acrescentando-se a isso o fato de que frequentes insucessos referentes à ovulação e fecundação dos óvulos não estão bem esclarecidos para as condições locais sendo necessário avaliar as características do sêmen que possam estar influenciando negativamente no processo de fertilização. Neste trabalho serão utilizados 10 animais para cada grupo, onde, G1: extrato de hipófise de carpa (EHC) e G2: sGnRHa (Ovaprim - Syndel Laboratories Ltd., Canada). Os reprodutores serão induzidos à reprodução com extrato hipofisário de carpa (EHC). Será coletado o fluido seminal individualmente, por massagem abdominal. Após medido o volume, o sêmen será coletado em tubos capilares para determinação do espermatócrito. Posteriormente, será feita a análise microscópica do material e avaliadas a motilidade, porcentagem de células vivas e mortas e concentração espermática em câmara de Neubauer. A seguir, será avaliada a taxa de fertilização e eclosão com o sêmen dos dois grupos. Para análise estatística dos dados macro e microscópicos do sêmen será utilizado um delineamento inteiramente casualizado. As médias serão comparadas pelo teste de Tukey (5%). A análise será feita pelo software SAS (6.12). Além disso, para as variáveis concentração espermática e espermatócrito será feita uma regressão linear através do coeficiente de determinação (R2), estabelecendo a correlação entre as duas.
Abstract: 
Keywords: reprodução
GnRh
EHC
metadata.dc.subject.cnpq: Ciências Agrárias: Reproducao Animal
metadata.dc.language: pt_BR
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Amazonas
metadata.dc.publisher.initials: UFAM
metadata.dc.publisher.department: Produção Animal e Vegetal
Faculdade de Ciências Agrárias
metadata.dc.publisher.program: PROGRAMA PIBIC 2013
metadata.dc.rights: Acesso Restrito
URI: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/3620
Issue Date: 31-Jul-2014
Appears in Collections:Relatórios finais de Iniciação Científica

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.