Please use this identifier to cite or link to this item: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/1425
metadata.dc.type: Relatório de Pesquisa
Title: Plantas medicinais do Médio Amazonas: Caracterização química e estudo sazonal de óleos essências do Alecrim do Norte
metadata.dc.creator: Aldair Rodrigues Moreira
metadata.dc.contributor.advisor1: Geone Maia Correa
metadata.dc.description.resumo: Estimativas demonstram que embora a Amazônia possua cerca de 10 milhões de espécies diferentes só foram estudados 10% dessa biodiversidade e menos de 1% é utilizada como matéria-prima (HIGUCHI et al., 2004). Isso ocorre devido às espécies nativas da Floresta Amazônica serem ainda pouco divulgadas. Os nativos que moram na floresta, conhecem bem as espécies úteis, mas esse conhecimento é em geral restrito ou pouco divulgado. Muitos usos das plantas nativas permanecem desconhecidos (RIBEIRO et al., 1999). Os princípios ativos presentes nas plantas medicinais são produtos do metabolismo secundário, cujo mecanismo de regulação depende do controle genético inerente a cada espécie e de estímulos externos proporcionados pelo ambiente (MARTINS et al., 1995). Segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), 80% da população mundial faz uso, das medicinas populares para suprir as necessidades de assistência médica primária. A partir dessas informações, pretende-se com esse projeto, fazer extração de óleo essencial da espécie anador planta, para realizar a caracterização química dessa espécie muito utilizada nessa região. Uma vez que, normalmente, os óleos essenciais estão relacionados com diversas funções necessárias à sobrevivência vegetal, exercendo papel fundamental na defesa contra microrganismos (Siqui et al., 2000). Nesse trabalho, também será realizado um acompanhamento da variação da composição química, ao passo que a espécie será coletada em época conhecidas como, cheia e seca do rio Amazonas. Dessa forma poderá se observar mudanças quanto ao perfil químico do anador planta. Tem sido estabelecido cientificamente que cerca de 60% dos óleos essenciais possuem propriedades antifúngicas e 35% exibem propriedades antibacterianas (BHAVANANI & BALLOW, 1992). A partir dessas informações sentiu-se a necessidade de inicialmente realizar testes de correlação com essas atividades biológicas, para isso segue na proposta desse projeto a execução de testes de citotoxicidade com A. salina.
Abstract: 
Keywords: Citotoxicidade, óleos essências, medicina tradicional
metadata.dc.subject.cnpq: Ciências Exatas e da Terra: Quimica dos Produtos Naturais
metadata.dc.language: pt_BR
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Amazonas
metadata.dc.publisher.initials: UFAM
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciências Exatas e Tecnologia - Itacoatiara
metadata.dc.publisher.program: Programa PIBIC 2008
metadata.dc.rights: Acesso Restrito
URI: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/1425
Issue Date: 31-Jul-2009
Appears in Collections:Relatórios finais de Iniciação Científica

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.