Please use this identifier to cite or link to this item: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/1802
metadata.dc.type: Relatório de Pesquisa
Title: Kropotkin - O Explorador: O Apoio Mútuo como fator de evolução.
metadata.dc.creator: Ítalo Barbosa Lima Siqueira
metadata.dc.contributor.advisor1: Ernesto Renan Melo de Freitas Pinto
metadata.dc.description.resumo: No ano de bicentenário de nascimento de Darwin, pensar na obra O Apoio Mútuo(1902), as observações e o pensamento de Peter Kropotkin, um dos muitos autores marginalizados nas ciências sociais e humanas, se faz importante por suas inúmeras contribuições teóricas como cientista e como anarquista, que pensa uma complexa metodologia de superação ao capitalismo. Quando Thomas Henry Huxley afirma que o conflito não é apenas desejável como uma das condições do progresso, e desta forma inevitável, Kropotkin propôs a discutir o assunto, dando sua própria interpretação sobre a teoria evolucionista de Darwin. Sua série de ensaios feitos então em um célebre jornal, culminaram na sua obra O Apoio Mútuo(1902), onde se contrapõe ao darwinismo social, afirmando que o apoio mútuo entre as espécies é o elemento mais importante na sua evolução. Na verdade a ajuda mútua parece ser a regra entre as espécies mais bem sucedidas. A vida em sociedade permite que o mais frágil dos animais, os menores pássaros e os mamíferos mais débeis resistam e se protejam das mais terríveis aves e feras de rapina. (WOODCOCK, in G., 2002). Embora admitindo que a força, rapidez, astúcia, cores protetoras e a capacidade de suportar o frio e fome mencionadas por Darwin admitia sob qualquer circunstância, que a sociabilidade é a maior das vantagens na luta pela vida. Kropotkin sugere que a capacidade intelectual, é eminantemente social , já que é estimulada pela linguagem, pela imitação e pela experiência acumulada. Além disso, o próprio fato de viver em sociedade tende a desenvolver por mais rudimentar que possa ser essa forma de desenvolvimento - aquele senso de justiça coletivo que acaba por tornar-se hábito , que é a própria essência da vida social. Esta obra , do pensador anarquista e homem de ciência, abarca quase todos os ramos do saber humano, postos ao serviço, de uma tese científico-filosófica, que constitui, uma particular interpretação do evolucionismo Darwiniano.
Abstract: 
Keywords: Kropotkin
Apoio Mútuo
Anarquismo
metadata.dc.subject.cnpq: Outros: Ciencias Sociais
metadata.dc.language: pt_BR
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal do Amazonas
metadata.dc.publisher.initials: UFAM
metadata.dc.publisher.department: Ciências Sociais
Instituto de Ciências Humanas e Letras
metadata.dc.publisher.program: Programa PIBIC 2009
metadata.dc.rights: Acesso Restrito
URI: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/1802
Issue Date: 30-Jul-2010
Appears in Collections:Relatórios finais de Iniciação Científica

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.