Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/3624
Tipo de documento: Relatório de Pesquisa
Título: Níveis de metionina na dieta de galinhas poedeiras semipesadas criadas em sistema semiaberto
metadata.dc.creator: Fabio Jose Ribeiro Simas
metadata.dc.contributor.advisor1: Bernardo Berenchtein
Resumo: A introdução de novas técnicas de manejo já disponíveis e de fácil adoção, tem despertado interesse em produtores da região para esta atividade, como forma de garantir crescimento econômico mediante a comercialização dos produtos, tais como a carne e os ovos. Atualmente, com o advento dos aminoácidos sintéticos e devido a inúmeras pesquisas, são conhecidos os requerimentos de aminoácidos essenciais para cada fase da postura, mas em razão das constantes mudanças que ocorrem na genética, manejo, ambiência e sanidade, surge a necessidade constante de atualização das exigências nutricionais das diferentes categorias das aves. Com os crescentes cuidados em relação ao bem estar dos animais, a prática de criar galinhas de postura em sistema semiaberto toma nova amplitude. Nessas condições, são dadas as possibilidades de se produzir aves com melhor qualidade de carne e ovos, alimentos que, atualmente, são preferidos por uma sociedade de consumo mais exigente.A elaboração de uma dieta adequada às galinhas poedeiras, criadas em sistemas semiabertos para produção de ovos, representa um desafio para os nutricionistas, uma vez que são utilizadas galinhas semi-pesadas com acesso a piquetes. Estas aves provavelmente apresentam um requerimento nutricional diferente das poedeiras criadas em gaiolas, as quais são utilizadas na grande maioria dos experimentos de determinação de exigência nutricional.O experimento será conduzido no aviario do Instituto de Ciências Sociais, Educação e Zootecnia (ICSEZ) da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Campus Parintins-AM, e as analises da qualidade dos ovos serão realizadas no Laboratório de Nutrição animal do referido instituto (UFAM), campus Parintins-AM. Serão utilizadas 150 poedeiras semipesadas de linhagem comercial com 51 semanas de idade, as quais serão alojadas em um aviário com dimensões apropriadas para comportar os animais em distribuição de acordo com os tratamentos, por um período total de oitenta e oito dias, considerando as duas primeiras semanas de adaptação. O delineamento experimental utilizado será o inteiramente casualizado, com quatro níveis de metionina (0,300; 0,426; 0,552 e 0,678%), com seis repetições de cinco aves cada. As aves receberão um total de 17 horas diárias de luz sendo o alimento e a água fornecidos à vontade. As variáveis estudadas para avaliação do desempenho produtivo serão o consumo diário de ração (g/dia), produção de ovos (%/dia), ganho de peso vivo (g/dia), massa dos ovos (g/dia) e conversão alimentar por massa (kg/kg) e por dúzia de ovos (kg/dúzia).
Resumo em outro idioma: 
Palavras-chave: exigências
alternativo
bem-estar
Área de conhecimento - CNPQ: Ciências Agrárias: Avaliacao de Alimentos para Animais
Idioma: pt_BR
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Editor: Universidade Federal do Amazonas
metadata.dc.publisher.initials: UFAM
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Zootecnia e Ciências Sociais Aplicadas - Parintins
metadata.dc.publisher.program: PROGRAMA PIBIC 2013
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: http://riu.ufam.edu.br/handle/prefix/3624
Data do documento: 31-jul-2014
Aparece nas coleções:Relatórios finais de Iniciação Científica

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.